Canabinoides, cannabis e medicamentos à base de cannabis para o manejo da dor: uma visão geral das revisões sistemáticas - CBfarma

Canabinoides, cannabis e medicamentos à base de cannabis para o manejo da dor: uma visão geral das revisões sistemáticas

Canabinoides, cannabis e medicamentos à base de cannabis (MBC) estão sendo cada vez mais utilizados para o manejo da dor, com entendimento limitado sobre sua eficácia e segurança. Avaliamos a qualidade metodológica, abrangência e resultados de revisões sistemáticas de ensaios clínicos randomizados desses tratamentos. Diversas estratégias de busca buscaram revisões sistemáticas autodeclaradas. A qualidade metodológica foi avaliada utilizando tanto o AMSTAR-2 quanto técnicas importantes para redução de viés em estudos de dor. Dos 106 artigos lidos, 57 eram revisões sistemáticas autodeclaradas, a maioria publicada desde 2010. Elas incluíram qualquer tipo de canabinoide, cannabis ou MBC, em qualquer dose, administrados de qualquer forma, em uma ampla gama de condições de dor. Nenhuma revisão examinou os efeitos de um canabinoide específico, em uma dose específica, utilizando uma via de administração específica, para uma condição de dor específica, relatando um resultado analgésico específico. A confiança nos resultados das revisões sistemáticas utilizando as definições do AMSTAR-2 foi criticamente baixa (41), baixa (8), moderada (6) ou alta (2). Poucas utilizaram critérios importantes para redução de viés em dor. Revisões Cochrane geralmente forneceram maior confiança; todas as revisões com conflitos de interesse da indústria forneceram confiança criticamente baixa. As metanálises geralmente combinaram estudos amplamente díspares e, quando avaliáveis, estavam sujeitas a um possível viés de publicação. Revisões sistemáticas com recomendação positiva ou negativa para o uso de canabinoides, cannabis ou CBM na dor geralmente foram classificadas como criticamente baixas ou baixas (24/25 [96%] positivas; 10/12 [83%] negativas). As revisões atuais em sua maioria apresentam falta de qualidade e não podem servir de base para a tomada de decisões. Uma nova revisão sistemática de alta qualidade de ensaios clínicos randomizados é necessária para avaliar criticamente a evidência clínica para canabinoides, cannabis ou MBC na dor.

Faça o upload da sua documentação

Indique o seu médico

Faça o upload da sua documentação